Que me Segue?

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Em minhas peripécias literárias, em consideração ao dia do escritor...

Eu sou apaixonada por livros... Eu gosto de sentir as paginas, o cheiro de papel impresso, me agrada o peso dele em minha mão... Eu gosto de de-lo assim, bem perto, para poder tocar suas paginas e tentar sentir o que o autor sentiu quando o escrevia... Tenho verdadeira paixão por manuscritos, apesar de muito poucos passarem por minhas mãos, e desses poucos ainda menos terem se transformado em publicações, se não nenhum...

E minha paixonite nasce quando, no momento da compra, vejo a capa do dito cujo... Não adianta... Eu leio melhor livros que me chamem atenção pela capa, acho que faço jus à regra das primeiras impressões. Títulos também me faz despertar uma paixão avassaladora! Mas são apenas complementos.

Isso tanto me trás boas experiencias com a literatura, quanto experiencias muito desagradáveis (cujas quais tenho tendencia a esquecer). Minha ultima aquisição (ainda não terminei de ler) é um livro chamado 'A noite do oraculo' de Paul Auster... Tiraria uma foto da capa se tivesse paciencia... Mas vou descreve-la para você. É uma capa simples, de papelão chanfonado azul e uma etiqueta na frente e outra na lombada do livro. Simples. Pratico. Comprei por esse motivo.

Foi amor a primeira vista (além do desconto de 50% no livro claro.. hehe). Mais tarde lendo-o, entendi o por que da capa. O escritor (não o autor da obra, o personagem principal), em suas andanças, localiza uma estranha papelaria chamada "Paper Palace", se eu não me engano, e encontra na loja um caderno português azul... Simples assim...

Isso me fez lembrar do dia em que fui comprar um caderno para guardar minhas loucuras... Foi um dia bom... Não contive minha ansiedade em escrever ali. Hoje não lembro mais onde esta o tal caderno, tive uns bons tantos depois dele. Mas guardo na memoria ainda a sensação de escrever ali, muito parecida com a sensação de escrever no caderno português azul, relatada pelo escritor alguns parágrafos depois.

Eu os escolho assim, pelos meus sentidos. Por isso se me perguntar qual meu autor preferido não direi nomes, provavelmente por que não tenho tantos livros de um mesmo autor...

Musica também funciona mais ou menos assim pra mim.. Mas isso é assunto pra outro episódio...

Bjinhoss

ps.: Feliz dia do escritor para todos os escritores, blogueiros e afins que fazem parte da minha vida literária!!

7 comentários:

Fábio disse...

Pois é.
Homenageando e parafraseando um grande escritor: "E Agora ZéMané?..."

Feliz dia do Escritor.

Anônimo disse...

posso contar um episódios relacionados com livros??? posso?
risos

Anne Luka disse...

Qndo vc me colocava de castigo??

miesterludi disse...

castigo com livros gera grandes escritores, assim disse minha mae... pena que nao foram muitos os castigos

Anônimo disse...

esses messss.... posso? risos rioss

Anne Luka disse...

oww... senhor... que historia é essa??? Que medo criatura!!!

miesterludi disse...

o coisas anda meio paradinhu neh, sera que devo te lembrar de uma teoria de bloguestrado que a senhorita cara de fuinha tava fazendo e parou? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, precisa de inspiraçao? compra um ratinho azul!

Meus livros favoritos!